Solos e Sistemas de produção

Fundação MT

Solos e Sistemas de produção

Fabio Ono

Fabio Ono

Solos e sistemas de produção

Contato: fabioono@fundacaomt.com.br

Inúmeros problemas têm decorrido do atual modelo agrícola do estado do Mato Grosso, não sendo explicados apenas pelo manejo da adubação e da correção do solo. Pensava-se que um solo com a acidez corrigida e com fartas adubações produziria cada vez mais. Porém, solos nessas situações de manejo nem sempre proporcionam boas colheitas, pois é o que tem sido observado em lavouras comerciais quando o foco é o manejo da fertilidade do solo apenas avaliando a química do solo de maneira isolada. Foi observado que grande parte dos problemas relacionados aos solos já corrigidos quimicamente eram decorrentes de aspectos físicos e biológicos.

A percepção desses problemas, somada à necessidade de entender as consequências dos diferentes manejos ao longo do tempo, levaram a Fundação MT a inaugurar, na safra 2008/2009, a primeira estação experimental com foco total em Sistemas de Produção em ambiente de cerrado. Um projeto inédito para uma empresa de pesquisa privada.

As pesquisas em Solos e Sistemas de Produção da Fundação MT buscam identificar modelos de produção de grãos e de fibra de maneira eficaz, sustentável, econômica e ambientalmente correta ao longo do tempo. São enfatizadas práticas agronômicas como a rotação de culturas, a produção de palha e sua manutenção em superfície e o manejo da fertilidade em seu conceito amplo, integrando os atributos químicos, físicos e biológicos do solo.

O manejo do sistema de produção adotado ao longo do tempo, juntamente com o volume de solo explorado pelas raízes das culturas envolvidas, tem sido determinante para obter estabilidade de produção e elevadas produtividades.

Os resultados gerados são validados em lavouras comerciais por meio do Projeto de Validação de Pesquisa. O foco das pesquisas é gerar resultados confiáveis que possam ser aplicados por produtores de grãos e fibra.

Parcerias da Fundação MT com produtores rurais, instituições de pesquisas e universidades têm sido fundamentais nas pesquisas em Solos e Sistemas de Produção.